Cronista: Saulo Sitônio

Cronista: Saulo Sitônio

 

(   V I D A   )

Se me deixarem as palavras
Se me deixarem os amigos
Ou os anos me abandonem...
Ao sabor de alguma onda
Ao sabor de ondas paradas

Enquanto estou bem viva
E posso cantar a vida
Talvez tenha tempo ainda
De dispor da minha vida
Preparando a minha ida

Se posso cantar a vida,
Vida, Vida !

Porém me vejo buscando
Me vejo às vezes buscando
Com meus olhos de criança
Pelo vidro da janela
Uma cor lá nas montanhas

Os mais velhos me disseram
Que era inútil a procura
Mas um sonho não me cansa
E apesar de ser bem grande
Sou menina na mirada

Me vejo às vezes buscando
Vida, Vida !

Se envelheço nas palavras
Se envelheço nas palavras
Por favor tranca essa porta
E foge dos tantos anos
De uma voz que já se apaga

Que não há de me dar pena
Que não me dará mais pena
E andarei nos arvoredos
Para escutar o que cantam
Novos pássaros crianças

Que não me darão mais pena,
Vida, Vida !

E se a morte chega agora
Se chegou para buscar-me
Pode entrar na minha casa
Porém saiba desde agora
Que não poderei amá-la

E se tenho de ir com ela
Se tenho que ir com ela
Tudo que posso deixar-lhes
Será cinza será terra
Música da minha vida

Quero que cantem comigo,
Vida, Vida !

                                                                      (  LLUIS  LLACH )


 

(   A  VIDA  BATE   )

Não se trata do poema e sim do homem
e sua vida
- a mentida, a ferida, a consentida...
vida já ganha e já perdida e ganha
outra vez.
Não se trata do poema e sim da fome
de vida,
o sôfrego pulsar entre constelações
e embrulhos, entre engulhos.
Alguns viajam, vão
a Nova York, a Santiago
do Chile. Outros ficam
mesmo na Rua da Alfândega, detrás
de balcões e de guichês.
Todos te buscam, facho
de vida, escuro e claro,
que é mais que a água na grama
que o banho no mar, que o beijo
na boca, mais
que a paixão na cama.
Todos te buscam e só alguns te acham. Alguns
te acham e te perdem.
Outros te acham e não te reconhecem
e há os que se perdem por te achar,
ó desatino
ó verdade, ó fome
de vida!
O amor é difícil
mas pode luzir em qualquer ponto da cidade.
E estamos na cidade
sob as nuvens e entre as águas azuis.
A cidade. Vista do alto
ela é fabril e imaginária, se entrega inteira
como se estivesse pronta.
Vista do alto,
com seus bairros e ruas e avenidas, a cidade
é o refúgio do homem, pertence a todos e a ninguém.

Mas vista
de perto,
revela o seu túrbido presente, sua
       carnadura de pânico: as
       pessoas que vão e vêm
       que entram e saem, que passam
sem rir, sem falar, entre apitos e gases. Ah, o escuro
sangue urbano
movido a juros.
São pessoas que passam sem falar
e estão cheias de vozes
e ruínas . És Antônio?
És Francisco? És Mariana?
Onde escondeste o verde
clarão dos dias? Onde
escondeste a vida
que em teu olhar se apaga mal se acende?
E passamos
carregados de flores sufocadas.
Mas, dentro, no coração,
eu sei,
a vida bate. Subterraneamente,
a vida bate.
Em Caracas, no Harlem, em Nova Delhi,
sob as penas da lei,
em teu pulso,
a vida bate.
E é essa clandestina esperança
misturada ao sal do mar
que me sustenta
esta tarde
debruçado à janela de meu quarto em Ipanema
na América Latina.

                                                         (  FERREIRA GULLAR  )

bom dia a todos, fiquem com Deus e esse belíssimo poema de um maranhense arretado de bom. glória de nossa literatura.


-  BIG  ( BOSTA )  BRASIL  -

hoje
começa a décima quinta edição
do BBB...
olhares atentos. embasbacados.
dos centenas de milhares de zumbis-alienados
olhos vidrados na telinha da toda tendenciosa-globo
para nova edição fomentada pela dona rede-escrota

novamente vai passar
o mais "espetacular, cultural, familiar e educativo"
programa televisivo
no AR para todos os telespectadores ansiosos
sobretudo pré-adolescentes
que irão assistir a "arte" do Mau Gosto, Discórdia, Mentiras, Brigas/Intrigas, Nudez Gratuita/Desenfreada e Cópulas Sobre os Lençois e Cercanias
Escrotices ao alcance, 24 horas por dia
da CASA MAIS VIGIADA DO BRASIL
assim diz o bordão da TV

taí, senhores/senhoras,
um atração "digna" para a família brasileira (sobretudo para vossos filho(as)
do mesmo Canal que oferece também
em outro momento
a maquiada-campanha-distorcida
CRIANÇA ESPERANÇA

tsc, tsc, tsc
disparate hediondo
corrosivo
inverossímil e
proposital

vamos bater palmas minha gente !
é a força de um grupo ditando o que povo deve ver e ouvir
indiferente ao padecimento mental dos fãs abnegados
que telefonam e opinam diariamente
nas esquinas desse brasil-grande

marionetes-anestesiados-abestalhados

pela banalidade/bestialidade
dos participantes dispostos a tudo para ganhar o milhão

atenção todos os lares
pais, mães e responsáveis
de todos os semblantes, uni-vos
tirai as crianças, garotos e garotas de frente da telinha
vai começar a libertinagem/putaria sem pudores
falta de decoro e respeito à Família
o estopim vai ser acesso
hora de colocar penicos ao redor da sala e/ou quarto
pois vai se espalhar b---- pra todo lado ...

hoje essa Imundície, comemora 15 anos no ar
lembra uma debutante
vai começar o Big Brother Brasil
meus "pêsames" aos convivas que prestigiam essa "festa"
gosto não se discute
a meu ver isso é desgosto

na Roma antiga,
os Césares ofereciam pão e sangue para a plebe que lotavam
o Coliseu. uma alegria só.

aqui
oferecem futebol, cachaça e essa Meleca
para a turba vibrar efusivamente

logo mais
pode-se mudar de canal
ou naufragar-se
no lodo fétido
alienante/terrificante
que causa câncer
ou danos incuráveis
ao cérebro

Você decide.

( s. sitônio
20.01.2015 )

    pois, como disse o poeta,

" por mais um dia, agonia
    pra suportar e assistir
   pelo rangido dos dentes
    pela cidade a zunir
   e pelo grito demente
    que nos ajuda a fugir

  Deus lhe pague "


A MAIOR CANTORA DO BRASIL !

amanhã,
trinta e três anos
de tua ausência

...

as novas gerações
não puderam partilhar teu carisma
voz poderosa
espírito explosivo
daí o Poetinha colocar o apelido-carinhoso de
Pimentinha

do Rio Grande do Sul para o Rio de Janeiro
daí, para o Mundo
nossa Música não foi mais a mesma

dona de uma presença no palco marcante
e personalidade forte
eis que nascia uma estrela
e uma das mais luminosas

Salve Você,
Elis Regina Carvalho Costa

menina
mulher
cantora
mãe
intérprete
poesia radiante

(quantas saudades)

e neste ano em curso
completa-se cinquenta aninhos
da premiada "Arrastão"
de Vinícius e Edu
que defendestes e ganhastes no festival da Excelsior
abrindo a Era dos Festivais da MPB
tempos férteis
e de verdadeiros talentos e pérolas musicais que ainda faz-nos presente
(bem diferente de muita bosta que hoje diz-se "música")

um beijo pra você
eterna ELIS
anjinha doce
ainda a cantar
lindas canções
em nossos corações

( s. sitônio
18.1. 2015 )

" Sempre vou viver como camicase. É isso que me faz ficar de


 

DURA LEX, SED LEX !

Indonésia, 17.1.15
Marco Acher Cardoso Moreira, brasileiro, 53 anos.
Traficante de drogas. Preso....
Condenado a Pena Capital.
Foi fuzilado com um único tiro.

Em vão, os pedidos de clemência por parte do sr. Luis Inácio, do Itamaraty e sobretudo da presidenta Dilma foram ouvidos.

Pedido que mancha ainda mais um país borrado por tantos escândalos e injustiças.
Brasílis, terra da impunidade, corrupções e tantas ABERRAÇÕES mais...
Pedir clemência para um sujeito que iria destruir tantas pessoas e suas famílias, é dar AVAL ao tráfico de drogas e tudo o mais que não presta.

Benjamin Franklin disse certa vez:
"educai as crianças e não será necessário punir os homens"

utopia para nós?!

Se esse fosse um país decente e civilizado,
bem que o fuzilamento de alguns-muitos conhecidos nossos que enchem as telas dos noticiários televisivos quase que diariamente,
viriam a calhar e LIMPAR um poucos esse chão tão manchado ...
de norte-sul e leste-oeste
o cidadão-comum, iria respirar um ar menos poluído e infectado
livre das muitas sanguessugas e vermes que sabemos de cor seus nomes,
rostos disformes e sorrisos diabólicos.

"estou consternada e indignada" disse a presidenta, com a execução do brasileiro.
quantos outros mesmos verde-amarelos, cara autoridade,
sucumbem diariamente de
Fome
Assaltos
Inexistência de Assistência Médica
Violências (de todo calibre)

enquanto que uma (minoria) sobretudo no planalto
palitam seus dentes com a desgraça dos muitos marginalizados e miseráveis (maioria)

infelizmente
são os dois lados
da moeda

e, como disse o poeta,
" apesar de você, amanha há de ser outro dia "

( s. sitônio
18.1.2015 )


 

  "MATEM AS CRIANÇAS  "

a ordem foi cumprida indiscriminadamente
era final da manhã do dia 16 de dezembro
homens do Taleban, fortemente armados...
invadem uma escola e,
desencadeiam um banho de sangue
depois de 8 horas do massacre
o saldo final da carnificina contabiliza:
145 mortos, dos quais,
132 alunos, com idades entre 12 e 16 anos

Cidade de Peshwar (Paquistão)
entra pra História
de maneira ignóbil

porque de tanto ódio !?
final dos tempos ?!

crianças
adolescentes
meninos
meninas

Sementes de Vidas
ceifadas violentamente
em nome
do T E R R O R I S M O

Ahhh !!!!   Imundos (não) humanos
bestiais-criaturas-assassinas
que proliferam destruição e Morte
nos quatro cantos do planeta

Oriente Médio
há tempos enlutado
encharcado de lágrimas e gemidos
brutalizado em cada esquina bombardeada

" Quanto menor o caixão, mais pesado é carregá-lo "

falou o ministro da defesa
sintetizando a dor dos familiares
e do Lado (escasso) Humano desse Mundo
hoje encoberto do negro véu
da viva morte

( s. sitônio
17/12/2014 )

 


 

Próxima - Página 02